18 de outubro de 2007

Santa Casa homenageia decanos da medicina

A Santa Casa de Misericórdia de Maceió (SCMM) homenageou com um jantar festivo, no Hotel Jatiúca, seis decanos da medicina alagoana. Como bem frisou o provedor Humberto Gomes de Melo, “são profissionais que atuam em defesa da vida 24 horas por dia”. O evento comemora o Dia do Médico, celebrado no dia 18 de outubro.
Foram agraciados os médicos Mariano Teixeira Cavalcante (in memoriam), Luiz Rocha Toledo, Milton Hênio de Gouveia, Carlos Alberto Rodrigues Paes, Antenor Teixeira Leal e Francisco Silva de Oliveira.
O provedor Humberto Gomes de Melo abriu o evento apresentando as qualidades e sua opinião pessoal sobre cada um dos homenageados. Também falou sobre a importância dos médicos alagoanos e nordestinos na liberação de recursos do Ministério da Saúde e na atualização da Tabela do SUS
Eu seu discurso, o diretor médico da Santa Casa, Artur Gomes Neto, fez um depoimento breve mas marcante sobre a prática médica, as qualidades necessárias para se exercer a profissão e sua relação com a instituição. “Sou médico e continuarei a ser médico da Santa Casa enquanto viver”, finalizou.

Homenageados

O ginecologista e obstetra Mariano Teixeira Cavalcante faleceu em 1995 e foi um dos fundadores da Faculdade de Medicina de Alagoas. Sua esposa, Hylda Calheiros, recebeu a homenagem póstuma. Outro homenageado, o ortopedista Luiz Rocha Toledo dedicou-se ao atendimento da população em ambulatórios, postos de saúde e na Santa Casa.
Também fundou o, hoje, Hospital Monte Cristo. Referência na pediatria alagoana, Milton Hênio de Gouveia também foi agraciado. O patologista-chefe da Santa Casa, Antenor Teixeira Leal, foi homenageado pelos trabalhos de pesquisa realizados em sua área.
O anestesiologista Carlos Alberto Rodrigues Paes, referência em sua área de atuação, e renomado cirurgião “Fransoise” Francisco Silva de Oliveira, chefe do Departamento de Cirurgia da Santa Casa, fecham a lista de ouro dos decanos alagoanos.

18 de outubro de 2007