4 de dezembro de 2017

Santa Casa Farol celebra com festa o Dia Mundial da Prematuridade

Para celebrar o Dia Mundial da Prematuridade, a equipe da Santa Casa Farol promoveu um encontro reunindo profissionais, pais e filhos prematuros nascidos na unidade. A equipe se esmerou na decoração do ambiente (veja as fotos), marcando o clima de festa do evento.

A comemoração tem justificativa: são crianças que sobreviveram a esse período crítico graças ao empenho e cuidados dos profissionais da unidade, dos pais e do leito materno.

“A iniciativa, realizada em todo o mundo, busca sensibilizar a população para a realidade dos bebês prematuros, nascidos antes do tempo previsto. Eles vêm ao mundo sem alcançar a 37ª semana de gestação”, explica a gestora administrativa Taciana Amorim.

Mas, o que a população pode fazer para ajudar?

As mães que estão amamentando podem doar seu leite excedente para bancos de leite humano e postos de coleta. Já a população pode doar vidros de maionese com tampa rosqueada, utilizadas para armazenagem de leite doado.

Números

Por ano, nascem 15 milhões de bebês prematuros no mundo. No País, segundo a Associação Brasileira de Pais, Familiares, Amigos e Cuidadores de Bebês Prematuros, são registrados cerca de 340 mil nascimentos antes das 37 semanas de gestação.

Além disso, a prematuridade pode deixar sequelas físicas para os bebês e traumas psicológicos para os pais. Muitas vezes, é possível prevenir o parto prematuro e minimizar os danos causados aos bebês. Foi com o intuito de fazer esse alerta e de sensibilizar a população que existe o Novembro Roxo, com o ápice no Dia Mundial da Prematuridade, 17 de novembro.

4 de dezembro de 2017

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *