16 de abril de 2018

Seis sintomas na boca que devem deixar a gente em alerta!

Afta por mais de 15 dias deve ser investigada

A odontóloga oncológica Fernanda Mota, que atua na Santa Casa Rodrigo Ramalho, detalhou alguns sintomas que podem sinalizar problemas bucais, incluindo o câncer de boca, e que não podem ser ignorados de forma alguma:

Sangramento repentino

A maioria dos sangramentos de gengiva é relacionada a gengivites e periodontites. A inflamação deixa o local avermelhado. Deve-se escovar para retirar a placa bacteriana e usar enxaguante bucal de manhã e à noite durante uma semana. Se o sangramento persistir, deve-se procurar o dentista.

Volume na gengiva ou da língua

Não é da natureza da gengiva ou da língua ter volume aumentado sem motivo. Se a cavidade oral ou o pescoço apresentar volume, a língua tiver falta de mobilidade e houver rouquidão procure o médico. Não confundir com aumentos provocados por abcesso na gengiva.

Ferida que não cicatriza em 15 dias

É comum não dar atenção às aftas ou feridas na boca, achando tratar-se de uma afta persistente. Qualquer lesão que não se cure em 15 dias e que não apresente dor pode indicar um câncer bucal.

Nódulos na boca e/ou no pescoço

Caroços que apresentam dor (ínguas, inchaços e nódulos no pescoço) são resultados naturais de inflamações. Já os caroços que não doem são manifestações do câncer e só apresentam dor em casos muito avançados.

Desconforto no uso de próteses

Prótese dentária mal adaptada e que provoque ferida na boca pode vir a ser porta aberta ao câncer ao longo dos anos, principalmente, em pessoas com bocas mal higienizadas e que façam uso regular de tabaco e de bebida alcoólica.

Mancha branca e/ou úlcera no lábio

Placas esbranquiçadas ou avermelhadas, assim como manchas enegrecidas, são sinais de alerta de que a saúde da boca não vai bem. O problema deve ser investigado.

16 de abril de 2018

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *