7 de julho de 2018

Conheça os principais fatores de risco para o coração feminino

Existem fatores de risco que aumentam em mulheres e homens as chances de doença cardiovascular, infarto do miocárdio e derrame cerebral (acidente vascular cerebral).

Alguns fatores independem da vontade das pessoas e não é possível prevenir, como idade, sexo e casos de doença cardíaca na família. Mas há fatores que podem ser evitados e que dependem basicamente do estilo de vida da pessoa, como uso de fumo, alimentação inadequada, obesidade, falta de exercícios físicos, colesterol alterado, diabetes, pressão alta e estresse.

Nas mulheres, há um fator que precisa ser administrado, principalmente no período de menopausa. É a chamada alteração hormonal. O estrogênio, hormônio existente no organismo da mulher, é considerado um hormônio cardioprotetor.

“A redução do estrogênio a partir da menopausa, geralmente após os 40 ou 50 anos, pode colocar a saúde do coração em risco”, explica a cardiologista Alayde Rivera. Daí a importância do acompanhamento médico ao longo da vida da pessoa.

7 de julho de 2018

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *