9 de junho de 2021

Curso da Santa Casa de Maceió fala sobre nutrição para o idoso

O envelhecimento é um processo progressivo, irreversível e natural caracterizado por modificações morfológicas, psicológicas, funcionais e bioquímicas. Mas cada pessoa envelhece em um ritmo diferente: é comum ver idosos em idades semelhantes, mas com funcionalidades diferentes. A edição desta quarta-feira (09) do curso de Envelhecimento Ativo da Santa Casa de Maceió trata sobre o manejo nutricional para alterações fisiológicas comuns em idosos. Assista aqui.

“A alimentação saudável é um dos grandes elos que está associado ao envelhecimento com melhor qualidade de vida. Estresse, problemas com a renda (aposentadoria), padrão cultural, doenças, entre outras situações, podem modificar suas necessidades de nutrientes”, disse a nutricionista Isabela Luna Amaral.

Com o apoio da Divisão de Ensino e Pesquisa, médicos de várias especialidades, além de farmacêuticos, psicólogos, fisioterapeutas, terapeutas ocupacionais, nutricionistas e assistentes sociais, se revezam em aulas informativas que abrangem orientações sobre saúde e alimentação, sexualidade, tecnologia, direitos sociais entre outros.

PAUSA – O projeto do Grupo de Envelhecimento Ativo é gratuito e voltado a homens e mulheres com mais de 60 anos de idade. Em 2020, o curso presencial seria realizado para 240 alunos inscritos em turmas divididas nas segundas e quintas-feiras, no Centro de Estudos da Santa Casa de Maceió. Agora, uma vez por semana, as aulas estarão disponíveis nas plataformas online.

9 de junho de 2021